O Impossível

NÃO BASTA PRECISÃO CÊNICA. PARA CRIAR REALISMO É PRECISO EXTRAIR EMOÇÃO


O Impossível: filme de Juan Antonio Bayona

O título já é um spoiler, pois o filme narra o drama de uma família pega na tragédia que se abateu sobre a Tailândia em 2004, quando uma tsunami transformou o que era um paraíso no próprio inferno. O Impossível, de 2012, dirigido por Juan Antonio Bayona, impressiona pelo realismo. O roteiro de Sergio G. Sanchez desfia uma sequência frenética de tensão e alívio. Naomi Watts, Ewan McGregor e Tom Holland dão um show e no final, para nosso alívio, o impossível acontece.
------------------------------
A produção espanhola O Impossível foge dos padrões de filmes sobre catástrofes. Não há um sem número de personagens sendo apresentados um a um, não há suspense antes do início do desastre e nem tramas paralelas de heróis socorristas se esforçando para salvar quantas vidas puderem. Baseado na história real da médica Maria Belón, o filme se detém no drama da família que, ao contrário de todas as expectativas, conseguiu sobreviver à tragédia que chocou o mundo no Natal de 2004. Na direção segura de Juan Antonio Bayona, a narrativa consegue ser eletrizante e realista, não apenas pela elaboração gráfica das cenas, mas pela verdade emocional que extrai das situações. Méritos também para as ótimas interpretações de Naomi Watts, Ewan McGregor e do garoto Tom Holland. Vale a pena conferir!

Dica de Filme
O Impossível


Data de produção: 2012
Direção: JKuan Antonio Bayona
Roteiro: Sergio G. Sanchez
Elenco: Naomi Watts, Ewan McGregor e Tom Holland

Comentários

Leia também: