À Espera de Um Milagre: estar ao lado do bem faz todo o sentido


À Espera de Um Milagre: filme de Frank Darabont

MAIS DO QUE LÁGRIMAS, CONSEGUE ARRANCAR APLAUSOS!

Diretor escreve roteiro adaptando romance de Stephen King, chama grande ator para interpretar o papel principal e acaba realizando um filme memorável. Parece repetitivo e oportunista? Ah, é só uma questão de talento recorrente! Dessa vez o diretor é Frank Darabont, o filme é À Espera de Um Milagre, de 1999 e o ator impecável é Tom Hanks.
        Frank Darabont já tinha nos dado Um Sonho de Liberdade, filme que quase levou o Óscar, mas foi ofuscado por Forrest Gump, estrelado por... Tom Hanks! Então, o diretor conseguiu cooptar o ator para atuar em À Espera de Um Milagre, mas... Nenhum Óscar sequer! Bem, isso não tem a menor importância. O filme mostrou que Stephen King tem mais para oferecer além dos romances de terror e que um bom diretor, com um elenco competente, é capaz de criar a atmosfera certa para emocionar e comover.
        O filme conta a história de Paul Edgecomb, que durante os anos 1920 trabalhou como supervisor no corredor da morte da Penitenciária de Cold Mountain. Num ambiente estressante, ele vive a triste rotina de um carrasco, cuidando das execuções desde os seus preparativos. O ambiente muda quando John Coffey, um grandalhão com aparência ameaçadora, mas de índole doce e gentil, ocupa uma das celas à espera da morte. Condenado por assassinato, Coffey transborda inocência, além de um incrível poder de cura sobrenatural que transforma a vida de todos. Guardas deprimidos, prisioneiros em busca de redenção, carcereiros sádicos... Todos se põem à espera do tal milagre que trará a salvação.
        O próprio Frank Darabont arregaçou as mangas e escreveu o roteiro de À Espera de Um Milagre, criando uma eficiente adaptação para as telas. Embora tenha ficado com mais de três horas de duração, o filme segue ágil e envolvente, numa narrativa linear – Paul Edgecomb narra a história em flashback, o que nos deixa na expectativa do desfecho. O diretor conseguiu extrair densidade dos seus personagens, ressaltando seus dramas e conflitos internos, ainda que esbarre em alguns estereótipos aqui e ali.
        É claro que Tom Hanks é o destaque de À Espera de Um Milagre, mas sejamos justos: é preciso elogiar o elenco inteiro. Ao final, o que nos fica é uma importante lição: de nada adianta ficar à espera de um Óscar! É uma boa história, contada do jeito certo, o segredo para conquistar o engajamento do público.
 

Filme: À Espera de Um Milagre


Data de produção: 1999
Direção: Frank Darabont
Roteiro: Frank Darabont
Elenco: 
Tom Hanks, Dabbs Greer, Michael Clarke Duncan, David Morse, Bonnie Hunt, James Cromwell, Jeffrey DeMunn, Barry Pepper, Michael Jeter, Graham Greene, Doug Hutchison, Sam Rockwell, Patricia Clarkson, Harry Dean Stanton, Bill McKinney, Brent Briscoe, Eve Brent, William Sadler, Paula Malcomson e Gary Sinise

Comentários

Leia também:

Siga a Crônica de Cinema