Quatro Irmãos

UM FILME DE AÇÃO QUE FUNCIONA, PORQUE SE APEGA A UMA IDEIA PODEROSA


Quatro Irmãos: filme de John Singleton

A palavra irmão tem peso enorme quando empregada em ambientes tensos, onde questões raciais e religiosas se interpõem entre as pessoas. Aqui ela é pronunciada quatro vezes, mas para lembrar que se tratam de quatro filhos da mesma mãe. Esse sentido de família é a tônica de Quatro Irmãos, filme de 2005 dirigido por John Singleton e estrelado por Mark Wahlberg, Tyrese Gibson e ótimo elenco. É um filme de ação, com tiros, socos e mortes, mas que até consegue ser... edificante!
------------------------------
John Singleton, que morreu prematuramente aos 51 anos, foi o mais jovem já indicado ao Óscar de melhor diretor, por seu trabalho em Os Donos da Rua, filme que escreveu e dirigiu em 1991. Neste Quatro Irmãos, de 2005, ele faz cinema americano por excelência, onde o que está em jogo são as mazelas do crime organizado, a tentação de fazer justiça com as próprias mãos, as dificuldades de manter a lei e a ordem numa Detroit já à beira da falência – com cara de Gothan City no inverno – e as tensões raciais. É um filme de ação, com toda a superficialidade que o gênero exige, mas têm personagens carismáticos, um ritmo excelente e não deixa dúvida sobre quem são os mocinhos e quem são os bandidos. Mark Wahlberg e Tyrese Gibson estão à frente do elenco, mas o personagem que tem maior presença ao longo de todo o filme é a finada mãe dos inusitados quatro irmãos.



Dica de Filme
Quatro Irmãos


Data de produção: 2005
Direção: John Singleton
Roteiro: David Elliot e Paul Lovett
Elenco: Mark Wahlberg, e Tyerese Gibson

Comentários

Leia também: